sábado, 31 de outubro de 2009

dια 31 ▫ Filosofia ou Desabafo?

Sabe, hoje eu caí na real, percebi que eu sou um cara total chato, orgulhoso, estupido e insuportável.
Eu tenho um ego enormemente enorme. Ninguém ao meu redor consegue conviver comigo.

Eu sou só um idiota.
Consigo ser tão idiota a ponto de errar com plena consciência de que estou errando.
De fazer sabendo da gravidade do erro.
De usar sabendo que aquilo que estou usando está me prejudicando.

Como posso ser burro a ponto de desperdiçar tantos sentimentos com pessoas que não merecem?
E isso não vale apenas para as mulheres da minha vida.
Entenda a indireta, "amigo".

Eu não preciso tentar agradar ninguém.
Eu não preciso fazer criticas para chamar atenção.
Não preciso expor a minha vida como se fosse interessante; não terá finalidade.

Quem sou eu? Eu sou um nada, um vagabundo, um merda.
Pode rir, desgraça alheia é sempre engraçada.

Não sei o que estou fazendo aqui.
Não sei qual a minha missão nesse lugar.

Ainda tento descobrir se eu não me encaixo no mundo ou se é o mundo que não se encaixa em mim.

Pode pensar que estou escrevendo pra causar impacto, mas eu já disse, não faço isso.
(E um dia ainda vou descobrir o que me leva à escrever!)

Que vida inútil a minha. Deitado na minha cama em meu quarto fedido e ridículo, escrevendo em um caderno meus pensamentos à margem do cérebro devido a falta de sono às três e meia da madrugada no horário-de-verão.


Muito bizarro tudo isso, não?
Filosofia? Não... Também não chamaria de "loucura".
São apenas pensamentos... E ninguém melhor pra entender os pensamentos do que o próprio pensador.


PS01: Você não entendeu nada.
PS02: Pirei
PS03: Pare de rir, pois irônia simplesmente existe. ?
PS04: Não riu, é? Se não, não estou surpreso, pois não sou vidente.
PS05: Não sei o que é "PS".
PS06: Monotonia e muitas repetições são inrríveis (que não faz rir).
PS07: 7 é meu número da sorte.
PS08: Os "PSs" estragaram o texto e mudaram seu gênero.
PS09: Boa parte de quem 'leu' isso não chegou ao fim.
PS10: O texto só teria os dois primeiros "PSs".
PS11: Fiz uma folha individual com eles.
PS12: Acabariam os "PSs" na próxima...
PS13: Mas '13' é considerado má sorte. Não sigo supertições, mas melhor não arriscar.
PS14: Parei. [?]. OK [...]

terça-feira, 27 de outubro de 2009

dια 26 ▫ Sozinho

. Quem não fica na cama sem dormir pensando naquela pessoa?
Lembrando das coisas boas que passaram, imaginando um futuro...

. E por que essa pessoa não liga para a sua atual situação?
Por que ela não pensa em ficar com você?

. Você só quer estar com ela, não é amor possessivo.
Mas quando você cai na real, só pensa em continuar a vida.


Sempre tem uma música que combina de-ta-lha-da-men-te com você.
E essa, é frase por frase:


Às vezes no silêncio da noite, eu fico imaginando nós dois.
Eu fico ali sonhando acordado, juntando, o antes, o agora e o depois.
-
Por que você me deixa tão solto? Por que você não cola em mim?
Tô me sentindo muito sozinho.
-
Não sou nem quero ser o seu dono, é que um carinho às vezes cai bem.
Eu tenho os meus desejos e planos, se-cre-tos. Só abro pra você, mais ninguém.
-
Por que você me esquece e some?
E se eu me interessar por alguém? E se ela de repente me ganha?
-
Quando a gente gosta é claro que a gente cuida.
Fala que me ama, só que é da boca pra fora.
Ou você me engana ou não está madura. Onde está você agora?


Sozinho - Interprete: Caetano Veloso - Composição: Peninha

domingo, 25 de outubro de 2009

dια 25 ▫ Bonitão

Um dia ele chegou no quarto do seu apartamento
e viu as duas namoradas juntas,esperando por ele.
Dava pra ver aquela espantosa cara de espanto à metros de distância.

- O QUÊ? Como...? Vocês? JUNTAS?
- Sim, nós já sabemos qual é a sua.
- A casa caiu, "bonitão".

- Mas... Olha, já sei! Vocês duas não viviam dizendo que me amavam?
Que era amor eterno, pra sempre? Vamos considerar ao pé da letra.
E "sempre" significa sem intervenções.

- Eu não acredito nisso!
- Seu canalha!

sábado, 24 de outubro de 2009

dια 24 ▫ Lost In You

Eu queria dedicar essa música à uma pessoa 'mais que especial',
mas os fatos não correspondem mais as palavras.



[...]
De alguma forma, eu encontrei uma maneira de me perder em você.
Deixe-me entrar! – Deixe-me chegar perto de você.
Mude sua mente! – Eu vou me perder em você se quiser.
De alguma forma, eu encontrei uma maneira de me perder em você.

A dor de tudo isso... A ascensão e queda... Eu vejo tudo em você.
Agora todos os dias – Me encontro dizendo – Eu quero ficar perdido em você.

Eu não sou nada sem você

De alguma forma, eu encontrei uma maneira de me perder em você.
Deixe-me entrar! – Deixe-me chegar perto de você.
Mude sua mente! – Eu vou me perder em você se quiser.
De alguma forma, eu encontrei uma maneira de me perder em você.

Lost In You (Tradução) - Interprete: Three Days Grace - Composição: Adam Gontier

terça-feira, 20 de outubro de 2009

dια 20 ▫ Ray-Ban WayFarer

Cara, tive que vim aqui só para compartilhar com vocês a minha maior aspiração recente:
O Ray-Ban WayFarer.



Eu nunca senti tanta vontade de ter uma coisa desde que era pivete e queria de natal um boneco Max Steel. E a vontade cresce mais e mais a cada dia. Só espero conseguir um logo antes que os pamonhas da minha escola comecem a usar; e também os funkeiros, que pagam pau para qualquer coisa que vêem - já não basta o tal do Juliete?

Ontem eu, o Joe e um amigo dele fomos em busca de um (WayFarer) no Caiçara - bairro típico para quem ta afim de sair para se divertir, ir à praia ou comprar roupas, bonés e outras coisas "baratas".
Para minha infelicidade, a loja que vendia tava com o estoque esgotado, só tinha sobrado um rosa ¬¬ - e vai ser esse mermo se a minha vontade crescer.

Fica aqui uma lista de contribuintes da mídia que aumentam a minha tristeza fazendo suas aparições na televisão usando o WayFarer:
• A Cantora Pitty furtando um de sua ingênua fã no clipe "Me Adora",
• Joe Jonas em "Jonas" do Disney Channel,
• Os caras do seriado "Drake & Josh" em um episódio transmitido na Tv Globinho,
• Aquele rapaz (ou seria uma garota?) pegando a Lady Gaga no clipe "Paparazzi",
• Pete Yorn no clipe "Relator" com a gostosona da Scarlett Johansson,
• E hoje mesmo, o guitarra da banda "Black Drawing Chalks" tocando no Acesso MTV.

Ah... só espero não morrer até sábado - dia que abre os camelôs e feirinhas pelo Litoral Paulista.

sábado, 17 de outubro de 2009

dια 17 ▫ Sonho, Romantismo e Bizarrice

Hoje eu tive um sonho romântico, bem esquisito, mas um tanto romântico.

Estávamos eu e ela, em um lugar frio, com neve e bastante gelo pra todo lado.
Era deserto e íamos morrer ali.
Encontramos um corpo em baixo do gelo, e queríamos fazer uma fogueira pra descongelá-lo.

De repente aparece um homem magrelo, cabeludo e com os olhos contornados de preto.
Eu não lembro direito as intenções dele, mas acho que queria nos matar.

Ela saiu de trás de mim e perguntou para ele:
– Você acredita em Deus? Vou te contar uma estória assim:
“Vinham três rapazes andando pela rua...”
– Não, ta contando errado, xuxu. Era em uma barbearia! – eu disse.
Aconteceram outras coisas da qual não me lembro direito e, eu não sei...
algo me deixou com raiva e então saí andando de lá.


O ambiente agora era outro: eu estava nos fundos da minha casa.
Fui correndo do corredor lateral em direção ao quintal,
parei e me pendurei no muro pra ficar escondido.
Foi bastante inútil, porque qualquer um podia me ver ali em cima.

Levei um susto quando ela chegou e perguntou o porquê de eu ter ido embora.
Eu disse algo do tipo que não estava recebendo atenção, e então ela me pediu desculpas.
Desci de cima de muro e fiquei olhando pra ela, a abracei e em seguida dei um beijo.
Àquela altura não me importava mais se ela estava ou não namorando.

Foi o melhor beijo da minha vida. Foi perfeito.
Eu podia sentir os lábios dela... eu podia sentir muito mais que isso...
Estávamos cobertos de paixão e química.
Peguei ela no colo e ficamos deitados no sofá da minha sala, conversando,
se beijando e trocando palavras de amor.

Foi o melhor sonho que já tive. Foi a melhor cena romântica da minha vida. Foi surreal.
Uma pena ter sido apenas um sonho.

sábado, 10 de outubro de 2009

dια 10

Alguma vez você já teve aquela sensação de estar se corrompendo,
se tornando outra pessoa, fazendo certas coisas idiotas
e se afastando das coisas boas, as trocando pelas incertas?

Engraçado, quando estou com uma garota, me livro de tudo isso.
Me sinto bem, feliz.
Por amor, somos capazes de tudo, qualquer coisa.
Eu faria tudo por ela, simplesmente porque a amo.

Mas sabe como é amar uma pessoa mais que tudo e carregar
todos os dias o infeliz pensamento de que nunca poderão ficar juntos?


Por quê a vida tem que ser tão dificil?
Por quê as coisas não poderiam simplesmente dar certo?

As vezes me sinto tão tolo, ingênuo.
As vezes me sinto sem culpa, por ter me apaixonado, amado.


Eu não tenho forças para desistir.
E não tenho forças para suportar essa coisa chamada "amor".

Vou fingir que nunca senti, que não sinto, que nada acontece.


Sem idéia para título