terça-feira, 26 de abril de 2011

dia 26 ▪ Consequencia do Imprevisível

As vezes, quando ajo imprevisivelmente,
sinto como se meus pés não estivessem no chão,
como se a minha vida não fizesse sentido,
naquele momento.